SOFRIMENTO



Sofro
Sofro todos os dias
Sofro noite e dia
Sempre sofri

Brigo
Brigo comigo mesmo
Brigo até com o tempo
Sofri pro brigar

Choro
Choro com olhos vermelhos
Choro ao toque do vento
Choro e não me contento

Vivo
Vivo como a chuva
Vivo com o rosto em chamas
Vivo por um vale em luz

Canto
Canto com a alma ardendo
Canto com a face em cólera
Canto o grito da alma

Danço
Danço no baile dos loucos
Danço com as sombras dos sonhos
Danço só e sem par

Me perco
Me perco mesmo em meus passos
Me perco são em teus braços
Me perco, lúcido e vão

Suspiro
Suspiro por vazias razões
Suspiro por entre os dragões
Suspiro ao fitar os teus olhos

Caio
Caio em vã agonia
Caio em minha própria armadilha
Caio pra não mais levantar

Então sofro, brigo e choro
Vivo o cântico em que me perdi
E suspiro outra vez ao cair

Com o sofrimento ainda por vir

Jake dos Santos

Instagram