O cientista e o artista

Sou cientista
Mas um poeta vive em mim
E como um artista
Tento explicar o que há dentro de mim

Todo cientista
Diz que tudo tem um fim
Mas todo bom artista
Acredita que a vida é um ciclo sem fim

Por ser cientista
Perdi a fé que há em mim
E nasceu em mim o artista
Que fez brotar a chama que há em mim

O meu eu cientista
Tenta explicar a chama que há em mim
Já o meu eu artista
Quer apenas brincar com essa chama sem fim

O cientista
Louco, ocupado em busca do fim
O artista
Louco, alienado num sonho sem fim

Jake dos Santos

Instagram